04 de Abril de 1988: As Escolhas

27 maio 2016

Depois de Deus ter me curado, eu comecei a passar por um processo que eu não sabia o quão difícil ele seria. Sim, eu aprendi que tudo na minha vida ia depender das minhas escolhas. E quando eu completei 16 anos, sofri um acidente de carro, onde mais uma vez a minha vida quase foi ceifada.

Falo isso pois, meu aniversário havia caído em um domingo e naquele mesmo dia eu havia ido a igreja pela manhã e peguei uma rosa vermelha que o pastor havia dado e nos orientou: "coloque na parte mais alta da casa de vocês e todo o mal passará para ela". Assim eu fiz e fui ao cinema comemorar o meu aniversário assistindo ao filme Paixão de Cristo.

Quando estávamos voltando, meus pais decidiram levar o meu namorado (ex agora) na casa dele e na ida a Arujá, sofremos esse acidente, um carro veio na contra mão, bateu no fusca, meu pai brecou, mas o fusca foi jogado pra cima do carro.

Resumo: 1 morte (de uma senhora que estava vindo da igreja), seu esposo e a outra moça que estava no fusca quebraram alguns ossos; eu bati minha cabeça, minha mãe machucou o seio e minha avó o outro lado da cabeça e todos os outros ficaram intactos.

Quando cheguei em casa, como estava a minha rosa? Preta, seca e quebrada ao meio.

Eu escolhi crer na palavra de Deus que o pastor havia pregado naquele domingo e é praticamente impossível uma rosa linda e cheirosa ficar assim, em menos de 12 horas.

Desde então eu escolhi:
  1. Escolhi me entregar de corpo, alma e espírito a Deus;
  2. Escolhi renunciar a minha carne;
  3. Escolhi me batizar nas águas;
  4. Escolhi fazer o que é certo perante a Deus;
  5. Escolhi ganhar almas;
  6. Escolhi cuidar das almas;
  7. Escolhi ser SERVA.
Essas foram algumas, das tantas outras escolhas que eu tive que fazer e todas essas acima, foram para o meu bem e para o meu crescimento. No dia 23/07/2006, quando tudo parecia impossível, eu obtive uma resposta de uma FOGUEIRA SANTA que eu havia feito. 
Lembro-me até hoje da hora que eu estava escrevendo o pedido: 
Deus, eu quero ser levantada a Obreira no dia 23/07/2006, pois o pastor não vai ter tempo de fazer reunião com os grupos antes, então que neste dia ele faça a reunião e que eu seja levantada obreira para ajudar em sua obra.
E assim Deus o fez! Pensa em uma pessoa que não parava de chorar, se um dia eu tiver tempo de fazer um vídeo sobre isso contarei com mais detalhes como tudo ocorreu. O que eu quero dizer é que Deus ouviu o meu pedido, eu não apenas FIZ uma ESCOLHA, mas eu ME fiz ESCOLHIDA, por Deus e Ele me ESCOLHEU.

Você consegue perceber como as coisas funcionam? Ouço e leio muitas pessoas, dizendo ou escrevendo assim: Eu vivo o hoje, pois o Amanhã a Deus pertence.
OOOOk, porém, o seu amanhã é fruto/resultado da vida que você vive hoje.

Se você se alimenta mal, acha que vai ser uma pessoa totalmente fitness amanhã??? NÃO!!!
Ah, mas eu posso mudar de hábito!
Sim, ai está o segredo, você vai ter que ESCOLHER mudar de hábito.

Fiz escolhas maravilhosas em minha vida, porém, eu fiz outras que eu quebrei muito a cara. Muito meeeeeeeesmo!

Contarei nos posts posteriores mas por favor, faça a escolha certa!
© BLOG MULHERES DE ORAÇÃO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por